As cerâmicas mais coloridas

Semana passada recebemos as peças lindas da ceramista Adriana Lopes. Todas são coloridas, manualmente feitas e assinadas pela a artista.

Vasos Adriana Lopes

Para realizar seu trabalho nas cerâmicas, Adriana utiliza uma técnica chamada “raku”. Tal técnica, de origem japonesa, era utilizada na confecção de peças para a cerimônia do chá, e valoriza o contraste do preto e o branco, além de metalizados e craquelês.

Cachepô-xícara e bule-xícara

O processo de trabalho do raku  atravessa várias etapas. Inicialmente, escolhem-se o tipo de barro, dos esmaltes e  de queima a ser feita. Depois acontece a moldagem da peça.

"Bolas"decorativas Adriana Lopes

Então, é hora das queimas. Na primeira queima, a uma temperatura em torno de 1.100º C,  a peça adquire resistência. A segunda queima traz a esmaltação com as cores e os contrastes.

Detalhe do vaso

Após isso, as peças são retiradas incandescentes e colocadas na serragem, onde ocorre a carbonização, surgindo a cor preta, os craquelês e os efeitos de cores metalizadas. O resultado é uma peça única e original.

Mais detalhes

São mais lindos ao vivo!

Tags: , , , ,

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: